Piso nacional do magistério: Assembleia Legislativa do RN aprova reajuste salarial para professores da rede estadual

Assembleia Legislativa do RN aprova reajuste salarial dos professores e especialistas em educação — Foto: Divulgação/ALRN

A Assembleia Legislativa do Rio Grande do Norte aprovou na manhã desta terça-feira (29), por unanimidade, o reajuste salarial dos cargos públicos de provimento efetivo de professor e dos especialistas em educação da rede estadual, de acordo com o novo piso do magistério.

A implementação no RN tem efeitos financeiros retroativos a 1º de janeiro de 2022, em cumprimento à Portaria nº 67, do Ministério da Educação, e será paritário para professores da ativa, aposentados e pensionistas.

Líder do governo na Casa, o deputado Francisco do PT, destacou que a proposta contempla o acordo consensual entre o Executivo e a categoria. 

Hermano Morais (PSB) ponderou que o reajuste concedido pelo governo federal "não tem sido fácil para alguns municípios, grandes e pequenos" e apelou para uma busca pelo entendimento entre gestores e a categoria.

Os professores da rede pública estadual realizaram greve entre 14 de fevereiro e 4 de março, quando aceitaram a proposta do governo para pagamento em três etapas e retroativo para ativos, aposentados e pensionistas.

 

Comentários

Postagens mais visitadas