Familiares velam corpo da vítima do feminicídio em condomínio na Grande Natal

Os familiares e amigos de Kalina de Azevedo Marques, de 43 anos, se reúnem para dar o último adeus à mulher vítima de feminicídio. A despedida começou ainda na noite dessa terça-feira (22), em um centro de velório na avenida São José, na zona leste de Natal. 

O corpo segue para Patu, cidade onde Kalina passou a maior parte da vida. É no Oeste potiguar que acontece também o sepultamento. Kalina deixa duas filhas de outro relacionamento, uma jovem de 24 e outra de 21 anos.

Já o corpo de Maurício Rocha de Farias, autor da tragédia, será sepultado no município de Santa Cruz, no Agreste potiguar. 

O crime
O crime aconteceu, nessa terça-feira (22), no condomínio Top Life, localizado na avenida Maria Lacerda Montenegro, em Nova Parnamirim. A publicitária Kalina tentava se separar havia oito meses. De acordo com familiares, Maurício não aceitava o fim do relacionamento. 

Para tirar as coisas de casa, Kalina chamou uma das filhas para lhe fazer companhia acreditando que assim estaria segura. Por volta das 11h, Maurício chegou, mandou a jovem sair do apartamento e se trancou com Kalina no local. Ele atirou em Kalina e se matou em seguida.

Comentários

Postagens mais visitadas