Líderes parlamentares reivindicam ao governo melhorias para servidores e segurança pública


No horário destinado às lideranças, na Assembleia Legislativa, os deputados se pronunciaram com reivindicações pelas categorias de servidores e por melhores condições de segurança pública.

Primeiro a falar, o deputado Getúlio Rêgo (DEM) disse que o governo estadual precisa atender categorias que foram alijadas do projeto de reposição salarial. Getúlio citou os médicos, cirurgiões buco-maxilo, assessores jurídicos e servidores da Fundação de Atendimento Socioeducativo do Estado do Rio Grande do Norte (Fundase RN), órgão de administração indireta do Estado.

“É inexplicável e indefensável punir a categoria médica de conquistas atingidas em governos anteriores. É preciso ouvir o Sindicato dos Médicos sobre o assunto, eu fui procurado e conclamo todos os médicos desta Casa para juntamente ensejarmos um debate em torno deste plano, porque não há nada claro”, alertou o deputado.

Getúlio Rêgo disse que os profissionais da assessoria jurídica são competentes, criteriosos e dão uma contribuição muito grande ao serviço público. “Tem também os servidores da Fundase, que precisam ser contemplados. É preciso que a gente se debruce sobre esse assunto, todos eles são merecedores”, defendeu Getúlio.

O deputado disse que é fundamental que se abra esse debate, para que nada seja feito às pressas, a fim de “oportunizar a todas as categorias para clarear o compromisso”. Getúlio disse que a reposição salarial é um ato que tem que ser estendido a todas as categorias que compõem o poder Executivo.

Em aparte, o deputado Kelps Lima (SDD) disse que era importante a OAB se posicionar na defesa dos assessores jurídicos. “Já atuei no setor jurídico de vários órgãos e sei do trabalho e da enorme defasagem dos assessores jurídicos do RN, por isso apresentarei uma emenda e faço apelo para a OAB entrar no debate”, afirmou.

A questão da segurança pública foi abordada pelo deputado Nelter Queiroz (MDB). O parlamentar fez um apelo para que o governo estadual invista no setor. Nelter citou especificamente o caso de Caicó, aonde recentemente houve um arrastão. “Fiz um apelo ao Coronel Araújo, secretário da Defesa Social e à própria governadora, porque a segurança deixa muito a desejar, mas o secretário sozinho não pode resolver tudo”, disse.

Nelter afirmou que fez esse pedido de socorro porque “quase todos os dias acontecem arrastões e mortes”. O deputado sugeriu ao governo um mutirão de esforços para melhorias no setor.

O deputado também citou a importância das ações do Ministério das Comunicações, beneficiando a população sem acesso à Internet. Nelter citou o caso do conjunto Cohab, em Macau, que tem cerca de 30 mil moradores que serão beneficiados por investimentos do governo federal no setor.

Ao final, fez uma menção honrosa à senhora Severina Medeiros Pereira, que comemorou 90 anos e é moradora de São José do Seridó.

Comentários

Postagens mais visitadas