Aproximação feita pela aeronave de Marília Mendonça foi incomum

O tipo de aproximação da aeronave em direção à pista de pouso feita pelo piloto Geraldo Medeiros Junior, que transportava a cantora Marília Mendonça e sua equipe, não é adotado por praticamente nenhum dos pilotos que costumam pousar no aeródromo de Caratinga, no interior de Minas Gerais. A informação foi dada neste sábado (6.nov.2021) por Álvaro João Araújo Lacerda, gestor do aeródromo, ao Poder360.

Segundo Álvaro, que é piloto desde 2004, não existe um padrão obrigatório de aproximar o avião para fazer o pouso. Como o aeródromo opera visualmente, e não por instrumentos, cabe a cada piloto decidir em quais condições – como altura, distância da pista, velocidade, velocidade do vento – ele fará a aterrissagem.

Comentários

Postagens mais visitadas