Justiça defere pedido do MP e suspende vacinação de profissionais da imprensa no RN

A Justiça do Rio Grande do Norte determinou a suspensão da vacinação contra a covid-19 para profissionais da imprensa e do Sistema Único de Assistência Social (SUAS) no estado potiguar. A decisão é do juiz Cicero Martins de Macedo Filho, da 4ª Vara da Fazenda Pública da Comarca de Natal, e atende ao pedido feito pelo Ministério Público Estadual e Defensoria Pública.

Na ação, os órgãos pedem que seja cumprida a decisão judicial de abril deste ano, da juíza Ana Nery Lins de Oliveira Cruz, que determina que estado e município não priorizem grupos que não estão previstos no Plano Nacional de Imunização. Na decisão recente, o juiz Cícero Martins observou que que não há nenhuma informação que a decisão de abril tenha sido suspensa ou modificada pela superior instância. “Desse modo, permanecem os seus efeitos, cabendo a este juízo neste momento, tão somente determinar a intimação das autoridades mencionadas para que cumpram a mencionada decisão como hora se requer”.

Comentários

Postagens mais visitadas