Com mais de 90% dos leitos ocupados, RN confirma 23 novas mortes pela covid-19


O Rio Grande do Norte registrou, nesta segunda-feira (1°), 23 novas mortes provocadas pela covid-19. Desse quantitativo, nove ocorreram nas últimas 24 horas nas cidades de Mossoró (02), Ipanguaçu (01), Natal (02), Paranamirim (01), Bom Jesus (01), Ceará-mirim (01) e Arez (01). Esse aumento elevou para 3.608 o número total de potiguares que já faleceram em decorrência do coronavírus. 

Os dados epidemiológicos foram divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap). A atualização também mostrou um aumento de 534 novos casos da covid-19 apenas em um dia. Isso significa que o estado potiguar acumula, no momento, o total de 167.429 pessoas que já se infectaram com a doença desde o início da pandemia. 

Há ainda outros 86.760 casos considerados suspeitos de infecção. Com relação aos óbitos, segundo a Sesap, 726 ainda seguem em investigação para constatar se a causa tem relação ou não com o coronavírus.

Quanto à situação dos hospitais, o Regula RN, plataforma que monitora a ocupação de leitos, mostrou que, nesta segunda-feira (1°), o cenário da pandemia segue preocupante. Isso porque a taxa de ocupação geral de leitos críticos no RN está em 90,6%. Dos 21 hospitais destinados para tratamento da covid-19, 13 estão com 100% dos leitos ocupados. 

Especificando por região, a taxa de ocupação de leitos de UTI no Oeste está em 94,1% e na Metropolitana 91%. No Seridó, a taxa está em 82,9%. Há um total de 499 pacientes internados no Rio Grande do Norte para tratamento da covid-19, dos quais 261 estão em leitos críticos e 238 em enfermarias. 

 

Comentários

Postagens mais visitadas