Polícia prende homem e apreende adolescente suspeitos da morte de servidor da Ufersa durante assalto

José Mario Moura Pinto, de 64 anos era funcionário da Ufersa — Foto: Cedida

Uma operação deflagrada nesta quarta-feira (6) pela Delegacia de Homicídios de Mossoró, no Oeste potiguar, prendeu um homem de 19 anos e uma adolescente de 15 anos suspeitos de matarem o servidor da Universidade Federal Rural do Semi-Árido (Ufersa), José Mario Moura Pinto, de 64 anos, no dia 28 de dezembro, durante uma tentativa de assalto.

Segundo a Polícia Civil, a prisão e a apreensão ocorreram em dois imóveis, localizados no bairro Planalto 13 de Maio. Na casa do jovem de 19 anos, também foram encontrados um aparelho celular roubado e as roupas usadas pelo suspeito no dia do crime. No entanto, a arma de fogo utilizada na ação criminosa ainda não foi localizada. Durante a operação, mais três pessoas foram detidas, e, após serem ouvidas, foram liberadas.

O homem e a adolescente foram encaminhados à Delegacia de Homicídios de Mossoró, onde confessaram o envolvimento na morte do servidor federal e também em dois roubos e uma tentativa de roubo, ocorridos no mesmo dia, os quais foram detalhados por eles.

O preso 19 anos foi autuado em flagrante delito pelos crimes de latrocínio consumado e latrocínio tentado por duas vezes, além do crime de corrupção de menores, e, em seguida, foi encaminhado ao sistema prisional.

A adolescente apreendida foi autuada por atos infracionais análogos aos crimes de latrocínio consumado e latrocínio tentado por duas vezes. Ela foi encaminhada ao Centro de Atendimento Socioeducativo Provisório (Casep) no município.

José Mario Moura Pinto, de 64 anos, foi assassinado durante uma tentativa de assalto na noite do dia 28 de dezembro em Mossoró, na Região Oeste do Estado. Segundo a Polícia Militar, o idoso reagiu à abordagem e foi baleado pelos criminosos, que fugiram sem levar nada.

O crime acontece na Rua Camilo Filgueira, no bairro Ilha de Santa Luzia. José Mario estava acompanhado da esposa e da enteada, conversando na calçada da casa de amigos, quando um casal se aproximou, sobre uma motocicleta, e anunciou o assalto.

“Primeiro eles pediram a bolsa da enteada. Ela se recusou a entregar e entrou em luta corporal com a mulher que estava na moto. Ela e a mãe começaram a brigar com a mulher. O homem, que estava armado, foi pra cima das duas e foi quando a vítima, o senhor, reagiu. Ele também entrou em luta corporal com o criminoso que atirou”, disse à época o sargento Renixon, da PM, que atendeu a ocorrência.

José Mario sofreu um tiro no rosto e morreu no local antes da chegada do socorro médico. O casal fugiu na moto sem levar nada das vítimas. De acordo com a PM, a moto usada no crime foi tomada em outro assalto minutos antes.

G1 RN.

Comentários

Postagens mais visitadas