Corpo encontrado em Tibau do Sul pode ser de Andreza Alves, de 16 anos

Corpo encontrado em tibau do sul pode ser de andreza alves, de 16 anos

O grupo “União das Mulheres de Tibau do Sul” informou neste domingo 29 que um corpo encontrado em uma área de mata entre o distrito de Bela Vista e o Rio Catu, em Tibau do Sul, no litoral potiguar, pode ser da adolescente Andreza Alves do Nascimento, desaparecida desde o último dia 21.

Segundo o coletivo, a família já reconheceu o corpo, mas ainda é preciso aguardar a confirmação oficial após exames, devido ao avançado estado de decomposição. Todos os pertences encontrados no local são da adolescente.
Andreza desapareceu no dia 21 quando retornava do trabalho.

Ela tinha 16 anos de idade, trabalhava em uma lavanderia em Pipa e residia no distrito de Cabeceiras, em Tibau do Sul. Deixa uma filha de um 1 ano e 7 meses. A Polícia Civil investiga o que levou ao desaparecimento e, agora, à morte da jovem.

Em nota, o coletivo “União das Mulheres de Tibau do Sul” sugeriu que a morte de Andreza pode ser um caso de feminicídio. “Em defesa da vida de todas as mulheres, queremos justiça pela nossa Andreza”, destacou o grupo.

Pela condição socioeconômica da família, o grupo também solicita doações para a filha da adolescente. Interessados em contribuir podem entrar em contato pelo instagram @uniaodasmulheres.tbs ou procurar o @cafelagoa, no Centro de Tibau do Sul.

O coletivo também programa um ato para o dia 1º de dezembro, às 16 horas, em frente a Delegacia Civil de Tibau do Sul. “Pelo fim da cultura de violência contra mulheres na cidade e por justiça”, destacou o grupo.

 

Comentários

Postagens mais visitadas