quinta-feira, 28 de março de 2019

Ex-prefeito de Santana do Seridó é indiciado por desvio de combustível

Ex-prefeito de Santana do Seridó, Adriano Gomes de Oliveira, o ‘Drill’, foi indiciado por desviar o combustível destinado aos veículos que prestavam serviço público ao Município.

As investigações da Polícia Civil se iniciaram em 2017, quando se constatou que o ex-prefeito abastecia o carro particular dele com combustível pago por um convênio da Prefeitura de Santana do Seridó, firmado através de suposta licitação, com um posto de combustível da cidade de Parelhas. Segundo a delegada responsável pela investigação, não havia nenhum controle do abastecimento feito com dinheiro público.

O convênio autorizava o posto de combustível a abastecer os automóveis do Município: ônibus, carros das repartições, tratores e outros que fossem de propriedade da prefeitura. Entretanto, bastava somente uma ligação do ex-prefeito ou servidor da prefeitura autorizado por ele que qualquer veículo era abastecido pelo convênio.

De acordo com a delegada Karla Viviane, da Delegacia Especializada de Defesa do Patrimônio Público (DEDEPP), o controle era feito apenas com um “vale abastecimento” e depois geradas as notas fiscais para pagamento pela prefeitura. Além disso, durante as investigações, foi constatado que o convênio com o posto foi realizado sem formalização legal, não houve contratação mediante processo licitatório. Apenas eram emitidas notas de empenho pela prefeitura e feito o pagamento ao posto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário