segunda-feira, 24 de dezembro de 2018

Servidores da Polícia Civil e Sesed paralisam trabalhos a partir da 4ª feira

A partir da quarta-feira, 26, os policiais civis do Rio Grande do Norte paralisam suas atividades por tempo indeterminado até que o Governo do Estado tenha uma solução para o pagamento dos salários atrasados da categoria.
A decisão aconteceu durante assembleia geral realizada nesta segunda-feira, 24, com a presença de agentes e escrivães na sede do Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol). A intenção, a partir de agora, é de paralisar 100% dos serviços.
Ficou deliberado que, às 8h, todos os policiais civis irão para a Central de Flagrantes. A partir de então, a categoria estará mobilizada por tempo indeterminado.
Nilton Arruda, presidente do SINPOL-RN, afirma que se o governador Robinson Faria anunciou pagamento do 13º salário de 2017 dos policiais militares para o dia 28 deve fazer o mesmo para as outras categorias.
“O sentimento atual é de grande revolta, pois ao anunciar o pagamento apenas para uma categoria da Segurança o Governo promove uma injustiça e discriminação. Infelizmente, nos últimos dias da sua gestão, o governador gera um caos na Segurança Pública ao adotar esse posicionamento”, comenta Nilton Arruda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário