quinta-feira, 22 de março de 2018

Sesed emite nota e rebate números do OBVIO sobre mortes de mulheres no RN

Em nota publicada na noite desta quarta-feira, 21, a Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) rebate as informações do Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO) sobre o número de mortes de mulheres no Rio Grande do Norte em 2018.
Citando dados da Coordenadoria de Estatísticas e Análises Criminais do órgão, a Sesed diz que até o último dia 19 de março, 24 mulheres foram assassinadas no Estado, sendo três feminicídios.
Os novos números do Obvio detalham 20 femicídios (assassinatos de mulheres em geral) e 5 feminicídios (assassinatos de mulheres por violência doméstica e/ou de gênero) neste ano no território potiguar.
O estudo dá conta ainda de 18 femicídios em 2015, sendo quatro feminicídios; contra 17 femicídios em 2016, sendo três feminicídios; e 19 femicídios em 2017, sendo cinco feminicídios.
Ainda na nota, a Sesed “reitera o seu compromisso em investigar cada um dos casos para que os responsáveis sejam detidos. Além disso, a Secretaria de Segurança destaca que trabalha com toda a transparência sobre os dados criminais, inclusive divulgando mensalmente relatórios com o quantitativo dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) no RN”.
Leia nota na íntegra:
GOVERNO DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
SECRETARIA DE ESTADO DA SEGURANÇA PÚBLICA E DA DEFESA SOCIAL
ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO
NOTA
NATAL (RN), 21 de março de 2018
A Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social (Sesed) vem a público informar que dados divulgados nos últimos dias pelo Observatório da Violência do Rio Grande do Norte (OBVIO) sobre a quantidade de mulheres mortas e vítimas de feminicídios no Rio Grande do Norte este ano não condiz com os números reais.
Diferentemente do que divulgado, os dados da Coordenadoria de Estatísticas e Análises Criminais (Coine) da Sesed, até o último dia 19 de março, 24 mulheres foram assassinadas no Estado, sendo três feminicídios.
A Sesed reitera o seu compromisso em investigar cada um dos casos para que os responsáveis sejam detidos. Além disso, a Secretaria de Segurança destaca que trabalha com toda a transparência sobre os dados criminais, inclusive divulgando mensalmente relatórios com o quantitativo dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) no RN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário