sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Por articulação de Nelter Queiroz, Paula Torres e senador José Agripino, técnicos do MEC e IFRN realizam vistoria em Jucurutu

Dando prosseguimento aos trâmites visando à possível viabilização de um Campus Avançado do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) em Jucurutu, por articulação do deputado estadual Nelter Queiroz (MDB), da vereadora Paula Torres (PDT) e do senador José Agripino Maia (DEM), técnicos do próprio IFRN e do Ministério da Educação (MEC) estiveram no município, nesta quinta-feira (1º), realizando vistorias em diversos estabelecimentos colocados à disposição pela população e pelo poder público pra instalação do equipamento.

Comandada pelo diretor de engenharia e infraestrutura do IFRN, Carlos Guedes e pelo arquiteto e representante do MEC, Fernando Jaber, a comitiva técnica também contou com a participação do engenheiro Haroldo Andrade, do engenheiro eletricista Franklin Tobias, do professor José Eurico Queiroz, e do pró-reitor de Pesquisa e Inovação do IFRN, Márcio Azevedo.

Após encontro na sede do Poder Legislativo Municipal de Jucurutu, a comitiva também passou a ser integrada por diversos membros da sociedade civil local, a exemplo do deputado Nelter Queiroz, da vereadora Paula Torres, do vereador Jubira Saldanha (PSD), do vereador Edivan Fernandes (MDB), do vereador Faguinho Brito (PSD), do vereador Francinildo Aquino (MDB), do vereador Nego do Povo (PSDB), do vereador Rubinho (MDB), do ex-vereador Juarez Garcia, do empresário e presidente do PSDB local, Popó Saldanha, do presidente do PODEMOS local, Alison Amaral, do prefeito Valdir Medeiros e parte de seu secretariado, além da imprensa do município, dentre outros.

VISTORIA

Aos representantes do IFRN e MEC foram apresentadas as instalações da Escola Estadual Newman de Queiroz, do Centro de Educacional São Miguel, da antiga Casa do Estudante de Jucurutu, além dos terrenos colocados à disposição por doutor Saint-Clair Torres, pela família do ex-secretário Pablo Cassiano e pelo Poder Executivo Municipal, ambos às margens da RN-118.

“O próximo passo será enviar toda documentação dos estabelecimentos de ensino e a topografia dos terrenos para que o IFRN e MEC possam emitir parecer técnico apontando o local mais adequado para a possível instalação provisória do Instituto”, mostrou Nelter.

Ainda segundo o parlamentar, caso as Instituições emitam parecer positivo atestando que algum dos estabelecimentos disponibilizados atende os requisitos necessários para a instalação provisória do Campus Avançado do IFRN, o MEC criará o Instituto no município através de portaria veiculada no Diário Oficial da União (DOU) para que, posteriormente, possa acontecer sua instalação.

“Após a possível instalação em caráter provisório do Campus Avançado, batalharemos para viabilizar recursos na ordem de R$ 10 milhões para a construção da sede própria do Instituto, que será erguida numa área entre 5 a 10 hectares”, esclareceu Queiroz.

RETROSPECTIVA

A instalação de uma unidade do IFRN em Jucurutu é luta antiga do deputado Nelter iniciada em conjunto com o então prefeito George Queiroz – que administrou o município entre os anos de 2013 e 2016 – durante o governo da então presidente Dilma Rousseff (PT) e que agora, no governo do atual presidente Michel Temer (MDB), começa a tomar maiores dimensões, principalmente, devido à articulação do senador José Agripino Maia junto ao titular do MEC, ministro Mendonça Filho (DEM).

Nenhum comentário:

Postar um comentário