terça-feira, 30 de janeiro de 2018

Nélter em ação: Jucurutu poderá ganhar campus do IFRN.

Em entrevista ao programa Jucurutu Notícias nesta segunda-feira (29), o deputado estadual Nélter Queiroz (MDB) informou que na próxima quinta-feira (1º de fevereiro) membros do Ministério da Educação (MEC) e do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) estarão em Jucurutu para realizar visitas técnicas e vistorias em terrenos e prédios, visando à instalação de um Campus Avançado do IFRN no município que atenderá em torno de 600 alunos de Jucurutu e de municípios circunvizinhos.

A instalação de uma unidade do IFRN em Jucurutu é luta antiga do parlamentar iniciada em conjunto com o então prefeito George Queiroz – que administrou o município entre os anos de 2013 e 2016 – durante o governo da então presidente Dilma Rousseff (PT) e que agora, no governo do atual presidente Michel Temer (MDB), começa a tomar maiores dimensões, principalmente, devido à articulação do senador José Agripino Maia (DEM) junto ao titular do MEC, ministro Mendonça Filho (DEM).

Neste meio tempo, o deputado Nelter Queiroz em parceria com a presidente da Câmara Municipal de Vereadores de Jucurutu, Paula Torres (PDT), participou de audiências na reitoria do IFRN em Outubro de 2017 e Janeiro deste ano; além de audiências com o senador José Agripino Maia, buscando a concretização deste importante pleito. Outra audiência de grande importância neste sentido, desta vez com o ministro Mendonça Filho, foi protagonizada por Nelter e pelo então prefeito George Queiroz em setembro de 2016, em Brasília/DF.

“Nesta segunda-feira recebi informações vindas do Ministério da Educação que na próxima quinta-feira os técnicos do MEC e do IFRN irão a Jucurutu averiguar terrenos que foram colocados à disposição para doação por dona Ana, avó do ex-secretário Pablo Cassiano, e por doutor Saint-Clair Torres, esposo da vereadora Paula Torrres. Além dos terrenos que estão à disposição para serem doados visando à construção do IFRN, os técnicos também analisarão se as estruturas físicas da Escola Estadual Newman de Queiroz (EENQ) e do Centro Educacional São Miguel [CESM] são aptas a receberem provisoriamente a estrutura do IFRN”, disse Queiroz.

PASSO A PASSO

Após a realização destas vistorias aos terrenos e prédios nesta quinta-feira, os técnicos do Ministério da Educação e do IFRN emitirão parecer que, se favorável, acarretará a publicação de uma portaria no Diário Oficial da União (DOU) criando, no âmbito da lei, o Campus Avançado do IFRN em Jucurutu.

“Se esta etapa for concluída com sucesso, somaremos esforços junto ao senador José Agripino, ao ministro Mendonça Filho, ao deputado Felipe Maia [DEM] e a toda equipe técnica que forma o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte para tentar instalar provisoriamente o Campus Avançado do IFRN em Jucurutu ainda este ano, nestes prédios que foram colocados à disposição, porém este é um pleito que necessita de parecer técnico favorável”, salientou o parlamentar.

VISITA

Ainda na entrevista, Queiroz comunicou aos jucurutuenses que na próxima quinta-feira integrará a comitiva formada por membros do IFRN e do Ministério da Educação que fará as vistorias técnicas nos terrenos colocados à disposição por dona Ana e doutor Saint-Clair Torres, nos prédios da EENQ e CESM e em algum outro espaço que a Gestão Municipal possa disponibilizar. “Visitaremos a Câmara, a Prefeitura e convidaremos o prefeito Valdir Medeiros para se juntar a esta comitiva técnica tão importante que, se Deus quiser, trará grandes benefícios pra nossa Jucurutu”, disse Nelter, frisando que todo o desenvolvimento do município passa pela educação dos jovens.

O deputado jucurutuense também adiantou que a presidente do Poder Legislativo Municipal, Paula Torres, realizará audiência pública em meio a toda população buscando levantar a discussão sobre o perfil e os cursos que, possivelmente, serão oferecidos no IFRN. Por fim, Nelter Queiroz frisou que acompanhará atentamente as vistorias realizadas pelos técnicos do MEC e do IFRN, e que ficará na expectativa para que os pareceres saiam o mais rápido possível para que o IFRN de Jucurutu se viabilize o mais rápido possível.

ORÇAMENTO

Com uma área ocupando de 5 a 10 hectares, o projeto arquitetônico da estrutura física do Campus Avançado do IFRN Jucurutu, possivelmente, será orçado num valor aproximado a R$ 10 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário