quinta-feira, 21 de dezembro de 2017

Crise na saúde: 12 leitos são fechados por tempo indeterminado no Tarcísio Maia


A falta de pagamento de salário dos servidores do Hospital Regional Tarcísio Maia (HRTM) fechará por tempo indeterminado doze leitos de média complexidade de duas enfermarias da clínica médica. A informação foi publicada pelo Sindicato dos Trabalhadores da Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sindsaúde/RN), regional de Mossoró.

A medida foi decidida em reunião entre o diretor-geral do HRTM, Jarbas Mariano, e o diretor estadual do Sindsaúde Mossoró, Aldiclésio Maia.

Os profissionais de enfermagem do Tarcísio Maia redigiram o documento. Nele prevê o fechamento da sala de medicação durante a maior parte do dia, além de outras medidas de suspensão parcial de alguns serviços hospitalares.

Os sucessivos atrasos de salário dos servidores estaduais é o motivo para a suspensão dos serviços. Segundo o sindicato, os funcionários da unidade relatam cada vez mais dificuldades para chegar ao serviço. Além disso, o problema do atraso dos salários, cumulado com a divisão das faixas salariais, faz com que os servidores percam o interesse nos plantões eventuais, impossibilitando completar as escalas.

Ato público nesta sexta-feira (22)

A regional do Sindsaúde promoverá nesta sexta-feira, 22, um ato público em frente ao Tarcísio Maia. A manifestação está prevista para ocorrer a partir das 15 horas.

O protesto lembra os 40 dias de greve da categoria e tem como tema “Servidor sem Salário em Dia passa Natal de Panela Vazia". A categoria entrou em greve no último dia 13 de novembro.

DE FATO.


Nenhum comentário:

Postar um comentário